08:37hs
Domigo, 23 de Junho de 2024

Leia nossas últimas edições

Leia agora o Correio do Papagaio - Edição 1855
Esportes
12/04/2023 10h50

COB desmente mulher que agrediu entregador no Rio: 'Jamais atuou na entidade'

O Comitê Olímpico do Brasil (COB) negou nesta quarta-feira a informação de que Sandra Mathias Correia de Sá já tenha trabalhado na entidade. A ex-atleta de vôlei e nutricionista agrediu um entregador com a guia de uma coleira de cachorro em São Conrado, no Rio de Janeiro. Ela também é acusada por crime de injúria por preconceito.

"O Comitê Olímpico do Brasil (COB) informa que Sandra Mathias Correia de Sá, acusada de injúria e lesão corporal em dois entregadores no Rio de Janeiro, jamais atuou na entidade como supervisora de produção nem fez parte do seu quadro de colaboradores em qualquer outra função", registrou o COB, em comunicado.

O caso aconteceu no domingo, quando Sandra saiu para passear com o cão e reclamou da presença de entregadores na calçada. Ela, então, começou a discutir com o grupo. Imagens que circulam nas redes sociais mostram a ex-atleta agredindo os entregadores. Em outra cena, ela puxa a camisa de um deles e cai. Na sequência, Sandra pega a guia para agredi-lo.

A discussão também foi gravada. Em determinado momento, Sandra fala para alguém do grupo que "você não está na favela, você está aqui (na calçada de São Conrado). Quem paga o IPTU aqui sou eu, rapaz". O entregador Max Angelo dos Santos registrou queixa contra ela. Ao Estadão, a Polícia Civil informou que a 15ª DP (Gávea) apura os crimes de injúria por preconceito e lesão corporal.

Sandra é ex-atleta de vôlei de quadra e de praia. Ela iniciou sua trajetória no esporte em 1982, no Flamengo. A nutricionista disputou o Circuito Brasileiro de vôlei de praia até 2009. E diz, em suas redes sociais, que trabalhou no COB no cargo de supervisora de produção em 2022.

Fonte: Estadão Conteúdo
PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone: (35) 99965-4038
E-mail: comercial@correiodopapagaio.com.br