11:16hs
Terça Feira, 23 de Abril de 2024
São Lourenço - Câmara
07/11/2017 22h41

Fraude em licitações no SAAE de São Lourenço leva cinco pessoas preventivamente para prisão

Foram sete mandados de busca e apreensão e cinco mandados de prisão preventiva


Operação do Ministério Público de Minas Gerais, que apura fraudes em Licitações no Serviço Autônomo de Água Esgoto (SAAE) de São Lourenço, prendeu nesta terça-feira, dia sete, cinco integrantes do alto escalão da autarquia, por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e Polícia Militar.

Foram sete mandados de busca e apreensão e cinco mandados de prisão preventiva.

Segundo o Ministério Público, no primeiro semestre de 2017, houve a prática de sobrepreço num valor que ultrapassa a casa dos R$ 700 mil reais, com o direcionamento de licitações pela autarquia, beneficiando as empresas Carri Carvalho e Ribeiro Transporte Ltda e Plural Serviços Técnicos Ltda.

Preventivamente foram presos Henrique Ramon Poli de Almeida, diretor; José de Souza Filho, assessor jurídico; Carlos Alberto Porto Rodrigues, engenheiro; Rafaela Maria de Souza, auxiliar administrativa e André Ricardo Barros, finanças.

Nossa redação não conseguiu ouvir a prefeita Célia Shiguematsu, que está em viagem ao Japão, com seu esposo, Tenório Cavalcanti, desde o final da última semana.

PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone: (35) 99965-4038
E-mail: comercial@correiodopapagaio.com.br