22:21hs
Terça Feira, 28 de Maio de 2024
São Lourenço - Notícias
08/06/2017 14h38

“Apoio à Casais Inférteis” há 7 anos em S. Lourenço

Casais de toda a região podem procurar assistência no projeto

Idealizado e executado por Gislene Sampaio Cardoso (Lakshmi) e seu esposo, Marcelo Sampaio Cardoso (Bahuan), o projeto “Apoio à casais inférteis” começou no ano de 2010 na cidade de São Lourenço. Esta é uma organização não-governamental, sem fins lucrativos e fundamentada no trabalho voluntário que reúne pacientes, médicos, psicólogos e assistentes sociais em busca de uma solução para casais que querem gerar filhos e não encontram suporte no poder público.  

O projeto foi criado por entender que no Brasil, como em muitos outros países, os casais que decidem ter filhos e se deparam com a infertilidade encontram inúmeras dificuldades, mas também podem ser ajudados de inúmeras formas. Uma das dificuldades encontradas é o alto custo do tratamento, atualmente, a fertilização in vitro (FIV) custa em média R$ 25mil, além dos medicamentos.

Este projeto então é formado por pessoas vivendo com drama da Infertilidade, independente da condição financeira, sexo, orientação político-partidária, sexual ou religiosa que garante a participação de todas as pessoas em torno de um esforço coletivo que busca mostrar que a luta contra a Infertilidade é um compromisso de toda a humanidade.

“Sabemos que cada vez mais a Infertilidade tem tratamento e certamente será vencida pela humanidade. É nosso princípio a luta pela garantia do acesso à informação e a todos os medicamentos, exames, diagnósticos, assistência médico-hospitalar e pesquisas, em condições democráticas e independentes da condição financeira da pessoa vivendo com a Infertilidade”, declara Gislene Sampaio.

A diretora do projeto relata ainda a situação de invisibilidade social da Infertilidade, muitas pessoas que enfrentam estas dificuldade, por falta de informações ou por vergonha, deixam de procurar ajuda. Por este motivo, o projeto oferece assistência e também garante o sigilo daqueles que não querem a exposição.

“Somos incondicionais em garantir voz política às pessoas vivendo com a Infertilidade”, afirma a Carta de Princípios do Projeto. Os interessados em contribuir voluntariamente com o projeto e também aqueles que enfrentam a Infertilidade podem entrar em contato pelos seguintes endereços: “Projeto de Apoio a Casais Inférteis” no Facebook, pelo email “goldendreams.eventos@yahoo.com” e também no (35)99175-9195.

PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone: (35) 99965-4038
E-mail: comercial@correiodopapagaio.com.br