18:04hs
Quarta Feira, 12 de Junho de 2024
São Lourenço - Notícias
11/10/2016 15h38

Artes Cênicas celebra a arte e a cultura com os jovens

Mais uma edição do Festival Artes Cênicas contou com apresentações de teatro durante toda a semana

Foto: Cy Andrade

Peça apresentada pela APAE, “Programa de Índio”, foi um dos destaques do festival


Mais uma edição do Festival Artes Cênicas contou com apresentações de teatro durante toda a semana. A estreia aconteceu na segunda-feira, dia 26, com apresentações do Cemei Carolina Forastieri Junqueira – Mãe Grande e da Escola Estadual Antônio Magalhães Alves.
Destaque do Festival para as instituições de ensino APAE de São Lourenço e Projeto Crer-Ser.
No dia 28, a APAE apresentou a peça “Programa de Índio”, escrita pelo artista sãolourenciano Cy Andrade e emocionou o público. A peça fala sobre o resgate do índio como herói nacional. “Através da criança especial, o índio dá voz a cada cidadão brasileiro que é oprimido pelo sistema, em questão de direitos e valores”, explica Cy Andrade. Os alunos da APAE demonstraram maestria, espontaneidade e sensibilidade.
“Um texto gostoso e lúdico, que faz um trocadilho com o termo ‘programa de índio’. Nós, o homem branco, falamos que ‘programa de índio’ é uma coisa ruim, mas na verdade programa de índio é cuidar da terra, do meio ambiente, amar o próximo, cuidar das crianças. Quis fazer uma sátira a esse trocadilho que o homem branco usa. Contando a história dos índios que saíram das suas tribos, foram estudar, se formar e voltam às suas raízes. É uma viagem muito bacana”, conta Cy.
O Projeto Crer-Ser encenou a peça Morte e Vida severina, com direção de Vagner Ralph, professor de teatro do Projeto. Morte e Vida severina é um livro do escritor brasileiro João Cabral de Melo Neto, escrito entre 1954 e 1955 e publicado em 1955. O livro apresenta um poema dramático, que relata a dura trajetória de um migrante sertanejo (retirante) em busca de uma vida mais fácil e favorável na capital pernambucana. A adaptação para o teatro feita pelos alunos do Projeto Crer-Ser foi muito ovacionada, mesmo sendo um texto de difícil interpretação.
O Festival Artes Cênicas nasceu com o objetivo de promover a cultura e a arte entre as crianças e os jovens de instituições de ensino municipais, estaduais e particulares, usando a expressão artística como ferramenta de desenvolvimento psíquico e social.
Durante o Festival apresentaram-se também: Escola Municipal Ismael Junqueira de Souza; Escola Estadual de Ensino Médio; Escola Estadual Dr. Humberto Sanches; APAE, Coral da Educação Inclusiva; Instituto Federal do Sul de Minas; Instituto Gênesis de Educação e Cultura(COC); no auditório da Sociedade Brasileira da Eubiose, que se transforma em teatro municipal durante o Festival de Artes Cênicas.

 

Apresentação de estreia: Cemei Carolina Forastieri Junqueira - Mãe Grande, única creche que participa do festival


PUBLICIDADES
SIGA-NOS
CONTATO
Telefone: (35) 99965-4038
E-mail: comercial@correiodopapagaio.com.br